Hora do conto - Baralhando Histórias


VEJA NO YOUTUBE


Sinopse


-Era uma vez uma menina que se chamava Capuchinho Amarelo.

-Não, Vermelho!

-Isso, Capuchinho Vermelho.

-A sua mãe chamou-a e disse-lhe: "Ouve, Capuchinho Verde…"


O avô interrompeu a plácida leitura do jornal para contar à sua neta uma história, que não é por ser clássica que lhe custa menos a contar. Desconhecimento? Em absoluto. O ancião consegue que seja a pequena quem realmente reproduz o conto, ao corrigir os enganos que ele comete deliberadamente porque, é ‘confundindo histórias’ que o enredo se transforma num proveitoso recurso expressivo.


Voltar ao topo